PF ainda investiga envolvimento de outras pessoas no ataque a Bolsonaro

Com a quebra do sigilo telefônico e de dados, a Polícia Federal (PF) vai aprofundar as investigações sobre Adélio Bispo de Oliveira, que con...





Com a quebra do sigilo telefônico e de dados, a Polícia Federal (PF) vai aprofundar as investigações sobre Adélio Bispo de Oliveira, que confessou ter esfaqueado, na última quinta-feira (6), o candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL), em Juiz de Fora (MG). Ainda não foi revelado quem está pagando os honorários dos quatro advogados que o defendem – Fernando Magalhães, Zanone Oliveira Júnior, Marcelo da Costa e Pedro Possa.

Os advogados disseram, segundo a Agência Brasil, que foram contratados por um fiel da igreja Testemunhas de Jeová de Montes Claros, frequentada pela família de Adélio. Em comunicado à imprensa, a igreja Testemunhas de Jeová no Brasil disse que não contratou os advogados e que nem Adélio nem sua família são seguidores da igreja. "Portanto, a declaração do advogado de que foi contratado por Testemunha de Jeová, conforme veiculada pela mídia, não é verídica", diz a nota.

A PF está investigando se Adélio recebeu ajuda para praticar o ato. Mais duas pessoas são suspeitas de participação no ataque ao candidato. Uma delas está internada após se envolver em uma briga durante a agressão. A investigação vai levantar se Adélio agiu sozinho e como se mantinha na cidade, onde estava hospedado em uma pensão. Ele pagou adiantado R$ 400 pelo maior quarto da hospedagem. A PF poderá rastrear a movimentação de Adélio a partir da quebra de seu sigilo telefônico, autorizada pela juíza Patrícia Alencar Teixeira de Carvalho, da 2ª Vara Federal de Juiz de Fora.

A magistrada converteu a prisão em flagrante de Adélio em prisão preventiva, sem prazo determinado. O agressor foi transferido para o presídio federal de segurança máxima de Campo Grande (MS), onde está em uma cela individual, para resguardar sua integridade física.

A defesa de Adélio descarta a participação de outras pessoas no ataque a Bolsonaro, inclusive de um mentor intelectual. Os advogados disseram que ele agiu sozinho e de rompante. A ideia de atacar o candidato, segundo a defesa, surgiu três dias antes, e Adélio foi estimulado pelo discurso de Bolsonaro sobre quilombolas. Ainda assim, a família de Jair Bolsonaro tem falado, sem apontar indícios, em "crime premeditado".

COMENTÁRIOS

Nome

Agronegocio,5,Bahia,9,Barreiras,6,Brasil,9,Celebridades,1,Cinema,1,Economia,1,Entretenimento,2,Esportes,8,famosos,7,Festas,1,governo,1,Humor,1,internacional,7,Irecê,2,justiçá,7,Livros,1,Mundo,1,municípios,2,Oportunidades,1,Polemica,1,Polemicas,1,policia,3,Politica,24,Religião,1,Saude&BemEstar,1,Tecnologia,4,Tragedia,3,Turismo,2,Videos,5,
ltr
item
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste: PF ainda investiga envolvimento de outras pessoas no ataque a Bolsonaro
PF ainda investiga envolvimento de outras pessoas no ataque a Bolsonaro
https://2.bp.blogspot.com/-UhIxXfZ1FnM/W5Vf2VKbWzI/AAAAAAAAANI/F5Ynzo7l0sI64aBoJ13huswCVFqJnKKbACLcBGAs/s320/IMAGEM_NOTICIA_5%2B%252812%2529.jpg
https://2.bp.blogspot.com/-UhIxXfZ1FnM/W5Vf2VKbWzI/AAAAAAAAANI/F5Ynzo7l0sI64aBoJ13huswCVFqJnKKbACLcBGAs/s72-c/IMAGEM_NOTICIA_5%2B%252812%2529.jpg
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste
http://www.vejaoeste.com.br/2018/09/pf-ainda-investiga-envolvimento-de_14.html
http://www.vejaoeste.com.br/
http://www.vejaoeste.com.br/
http://www.vejaoeste.com.br/2018/09/pf-ainda-investiga-envolvimento-de_14.html
true
8061571385870599471
UTF-8
Carregou todos os artigos Não encontrei nenhum post VER TODOS Leia Mais Resposta Cancelar resposta Deletar Por Home PAGINAS ARTIGOS Ver Todos Talvez você goste destas postagens C ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS ARTIGOS nenhum resultado. Voltar Para o Inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO PREMIUM ESTÁ BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhar. PASSO 2: clique no link que você compartilhou para desbloquear Copie todo o código Selecione todo o código Todos os códigos foram copiados para sua área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C para Mac) para copiar