Engasgar frequentemente pode ser sintoma de doenças graves

Uma criança de sete meses morreu engasgada , na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Jardim Santo Inácio, em Salvador. Infe...





Uma criança de sete meses morreu engasgada , na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Jardim Santo Inácio, em Salvador. Infelizmente, casos similares têm acontecido pelo Brasil durante todo o ano e atingido as mais diversas idades. O engasgo ocorre por causa do bloqueio da glote (a porta de entrada para a traqueia) quando algum objeto ou até mesmo alimentos dificultam ou impedem a respiração adequada. Isto quer dizer que os mecanismos de proteção da via aérea do indivíduo por algum motivo falharam.

É preciso uma ação rápida para salvar a pessoa engasgada. É possível, inclusive, o próprio indivíduo se socorrer, basta aplicar a manobra correta. Para falar sobre o assunto, o BNews convidou a otorrinolaringologista Melina Marambaia. Confira a entrevista:

BNews - O engasgo está associado a alguma doença?
Melina Marambaia - Não necessariamente. Ele pode acontecer em pessoas sem doenças de forma esporádica. Neste caso, geralmente é rápido e sem repercussões graves. No entanto, quando frequente e com repercussões mais graves, pode ser indício de algumas doenças, entre elas doenças neurológicas, gástricas ou mesmo alguns tipos de tumores.

BNews - Como está a incidência de engasgos em idosos e crianças?
Melina Marambaia - Com o aumento da expectativa de vida do brasileiro, há o aumento do número de idosos na sociedade. Desta forma, a incidência de doenças neurodegenerativas vem aumentando, assim como pessoas que sobrevivem a acidentes vasculares cerebrais, que podem ter este sintoma como uma sequela da doença de base, portanto, a prevenção e a reabilitação adequadas nesses casos são essencias.

Em relação aos engasgos em crianças, de maneira geral, o principal motivo é aspiração de corpos estranhos, comumente aqueles objetos que a criança já consegue manusear e tem o hábito de colocar na boca ou mesmo pelo nariz. Como a via aérea dos pequenos tem tamanho reduzido, isso pode se tornar rapidamente uma emergência médica, podendo levar a asfixia e morte em pouco tempo.

BNews - Como socorrer uma pessoa engasgada?
Melina Marambaia - Aquelas pessoas que têm engasgos repetitivos e habituais devem procurar um médico para avaliação e investigação. No caso de socorro imediato para a pessoa que está engasgando, é importante frisar para não estimular a pessoa engasgada a empurrar o objeto que está causando o engasgo ainda mais, o contrário é o ideal: estimular a tosse e o vômito para que o ar dos pulmões possa ajudar a expelir o objeto ou alimento que está causando o engasgo. Uma manobra que pode tentar ser realizada em adultos chama-se manobra de Heimlich. A pessoa que vai socorrer e a que está engasgando devem ficar de pé, uma atrás da outra, de modo que quem está ajudando possa abraçar a pessoa que está engasgando e pressionar suas mãos entre o umbigo e a costela do engasgado, apertando e comprimindo de modo rítmico e forte a parte superior do abdômen, na altura dos pulmões, para que o ar seja liberado e estimule que o objeto que está causando o engasgo seja expelido.

No caso de crianças pequenas, não se deve tentar retirar o objeto com as mãos ou com qualquer tipo de instrumento para evitar que este seja empurrado ainda mais e piore a situação. O ideal é levar imediatamente a uma emergência para ser avaliado por um médico. Em bebês pequenos pode ser tentada a manobra de tapotagem, com a criança deitada no antebraço com a cabeça mais baixa do que o corpo e a realização de palmadas em suas costas em direção ao chão para que ocorra a mobilização do objeto, mas o ideal é que os responsáveis da criança já se informem previamente com o médico pediatra para se instruir sobre como proceder na eventualidade do engasgo, antes que o mesmo ocorra, para se sentirem seguros em como proceder nessa situação.

BNews - Como a própria pessoa pode se ajudar quando ocorrer o engasgo?
Melina Marambaia - O ideal é tentar estimular a tosse e induzir o vômito para expelir o que está causando o engasgo. Sempre evitar retirar sem ver, pois a chance de empurrar mais é grande.

BNews - Em quantos minutos deve ser socorrida uma pessoa engasgada?
Melina Marambaia - O ideal é que em casos graves o socorro seja o mais rápido possível para evitar a asfixia.

BNews - O engasgo pode afetar órgãos?
Melina Marambaia - A grande questão do engasgo é poder causar asfixia, isto é, a parada da respiração levando a morte, mas também há o perigo da aspiração do conteúdo do engasgo para os pulmões, podendo levar a pneumonias graves, que necessitam de tratamento com antibióticos e internação hospitalar.

BNews - O que fazer para prevenir engasgos? Há fisioterapia ou trabalho com fonoaudiólogo?
Melina Marambaia - Nos casos das crianças, é importante que os responsáveis não deixem na altura delas objetos pequenos e se mantenham sempre vigilantes com o que o menor está manipulando. Na hora da alimentação, deixar os alimentos sempre cortados em pedaços pequenos, pois a criança está ainda aprendendo a mastigar e deglutir; não fazer refeições rápidas, é preciso que a criança tenha tempo para mastigar adequadamente até que possa engolir; e sempre ter um responsável que vigie as refeições.

Nos casos de adultos e até mesmo crianças e jovens com engasgos frequentes, é necessário primeiramente investigar quais as possíveis causas dos engasgos, se há doença que os justifiquem. Para isso, o médico pode precisar lançar mão de alguns exames complementares para avaliar as fases da deglutição. Com esses dados em mãos, pode ser necessário o trabalho com fonoaudiólogo para reabilitação da deglutição e estratégias para que o indivíduo consiga se alimentar melhor, sem engasgos. Algumas vezes podem ser necessárias vias alternativas de alimentação como a sonda nasoenteral ou a gastrostomia para que a pessoa não corra o risco de aspirar para o pulmão a sua alimentação.

BNews - Há tratamento no SUS para essa área?
Melina Marambaia - Sim, existe. Há centros especializados em problemas da deglutição, porém, com o aumento crescente da demanda, infelizmente não é rápido o acesso da população a alguns exames complementares que podem ser necessários e à reabilitação com equipe multidisciplinar.

COMENTÁRIOS

Nome

Agronegocio,6,Agronegócio,17,Angical,1,Bahia,320,Baianópolis,2,Barreiras,213,Boa noticia,25,Bom Jesus da Lapa,4,Brasil,341,Brasilia,2,Catolândia,10,Celebridades,2,Cinema,13,Correntina,1,Cristópolis,2,Economia,42,Educação,22,Entretenimento,43,Esportes,117,famosos,164,famoss,2,Festas,3,Formosa do Rio Preto,1,Golpes,1,governo,42,Guanambi,7,Humor,2,Ibotirama,2,internacional,96,Irecê,8,justiçá,200,LEM,16,Livros,3,Luis Eduardo Magalhães,11,Mundo,3,municípios,116,Oportunidades,17,Pesquisa,19,Polemica,111,Polemicas,22,policia,60,Politica,1034,Religião,37,Riachão da Neves,9,Salvador,69,Santa Maria da Vitoria,4,Santa Rita de Cassia,1,São Desidério,1,Saúde&Bem Estar,6,Saúde&Bem-Estar,59,Tecnologia,50,Tragedia,55,Turismo,34,Videos,43,Vitoria da Conquista,3,Wanderley,1,Whatsapp,1,
ltr
item
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste: Engasgar frequentemente pode ser sintoma de doenças graves
Engasgar frequentemente pode ser sintoma de doenças graves
https://1.bp.blogspot.com/-hLrE-vNK_Yg/XX40ug7T67I/AAAAAAAADao/uVRJzUz1VLQarC3X4BLX2lJU-Oc_y3DoQCNcBGAsYHQ/s320/IMAGEM_ENTREVISTA_0.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-hLrE-vNK_Yg/XX40ug7T67I/AAAAAAAADao/uVRJzUz1VLQarC3X4BLX2lJU-Oc_y3DoQCNcBGAsYHQ/s72-c/IMAGEM_ENTREVISTA_0.jpg
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste
http://www.vejaoeste.com.br/2019/09/engasgar-frequentemente-pode-ser.html
http://www.vejaoeste.com.br/
http://www.vejaoeste.com.br/
http://www.vejaoeste.com.br/2019/09/engasgar-frequentemente-pode-ser.html
true
8061571385870599471
UTF-8
Carregou todos os artigos Não encontrei nenhum post VER TODOS Leia Mais Resposta Cancelar resposta Deletar Por Home PAGINAS ARTIGOS Ver Todos Talvez você goste destas postagens C ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS ARTIGOS nenhum resultado. Voltar Para o Inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO PREMIUM ESTÁ BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhar. PASSO 2: clique no link que você compartilhou para desbloquear Copie todo o código Selecione todo o código Todos os códigos foram copiados para sua área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C para Mac) para copiar