Prefeitura de São Paulo mantém repasse de 33 milhões ao carnaval

  O carnaval da cidade de São Paulo é um dos maiores do Brasil. Não apenas em público, como também em investimento e faturamento. Em 2020, a...

 





O carnaval da cidade de São Paulo é um dos maiores do Brasil. Não apenas em público, como também em investimento e faturamento.

Em 2020, apenas poucos dias antes da Organização Mundial da Saúde (OMS) declarar a pandemia de COVID-19 — mas, com a doença já alastrada em todo o mundo –, a celebração aconteceu e bateu recordes. Mais de 15 milhões de pessoas participaram do carnaval e 600 blocos saíram às ruas da capital paulista.

Na ocasião, foram gastos mais de 36 milhões de reais e houve um retorno financeiro de 2,3 bilhões para a cidade. Por sua vez, em 2021, mesmo sem a celebração — inclusive com o cancelamento do feriado, anunciado em 12 de fevereiro pelo prefeito Bruno Covas –, a Prefeitura manteve o repasse para escolas e agremiações carnavalescas.

Em novembro último, quando ainda se tinha alguma perspectiva de realizar o carnaval neste ano, a Secretaria Municipal do Turismo e a SPTuris (Empresa de Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo) assinaram um contrato de apoio prevendo o repasse de verba, assim como já acontece todos os anos. Neste caso, o valor firmado foi de 33 milhões de reais.

Do total, quase 13 milhões de reais já teriam sido pagos nos dois últimos meses do ano passado. Um dia após o prefeito Bruno Covas cancelar o feriado de carnaval, foi publicado no Diário Oficial (de 13 de fevereiro de 2021) a reserva feita pela Secretaria de Turismo, de cerca de 20 milhões de reais, para completar o pagamento do repasse.
Dinheiro público

Embora se saiba que o carnaval gere e mantenha anualmente muitos empregos, além de arrecadar altos montantes com patrocinadores, também é notório que, para se manter essa celebração, é necessário um investimento semelhantemente milionário e proveniente do dinheiro público, de impostos pagos pelos cidadãos.

A jornalista Ana Carolina Cury, em sua coluna no R7, abordou recentemente o assunto ao falar sobre o futuro do carnaval e como os acontecimentos dos últimos anos mostram a necessidade de repensar como a festa é realizada. Além de outras questões — que você pode ler aqui na íntegra –, Cury levantou a problemática do investimento público na celebração:

“Muitos que gostam, defendem a festa e afirmam que é um patrimônio histórico e cultural (…) além de exercer um peso na economia do país. Ora, me pergunto, então: se a festa gera tanto dinheiro assim, ela não deveria depender 1% do dinheiro público (…) Por que quem não concorda com o carnaval é obrigado a custeá-lo e fingir que não liga para isso? Com tantas mazelas sociais que assolam o Brasil, temos que financiá-lo com nossos impostos? Não deveria ser função do Estado patrocinar um espetáculo que, cada ano que passa, cobra ingressos altíssimos e mantém camarotes caríssimos? Não faz sentido algum continuar usando verba pública nele”, pontuou.

Ademais, com o cenário de crise sanitária, social e econômica sem precedentes que a pandemia de COVID-19 trouxe, não só para São Paulo ou para o Brasil, mas em todo o mundo, um gasto público exorbitante, ainda com uma festa que foi cancelada, é, no mínimo, ultrajante para a população de uma cidade que, diariamente, convive com as desigualdades sociais.

COMENTÁRIOS

Nome

Agronegocio,7,Agronegócio,23,Angical,10,Bahia,415,Baianópolis,9,Barreiras,260,Boa noticia,37,Bom Jesus da Lapa,7,Brasil,511,Brasilia,4,Brejolandia,1,Buritirama,1,Canapolis,1,Catolândia,19,Celebridades,2,Cinema,23,Correntina,14,Cotegipe,1,Cristópolis,5,Economia,63,Educação,34,Entretenimento,104,Esportes,169,famosos,225,famoss,2,Festas,3,Formosa do Rio Preto,4,Golpes,1,governo,55,Guanambi,17,Humor,2,Ibotirama,6,internacional,195,Irecê,15,justiçá,227,LEM,17,Livros,7,Luis Eduardo Magalhães,29,Mundo,5,municípios,152,Muquém do sao Francisco,1,Oportunidades,31,Pesquisa,36,po,1,pol,1,Polemica,190,Polemicas,23,policia,94,Politica,1754,Religião,64,Riachão da Neves,79,Salvador,94,Santa Maria da Vitoria,8,Santa Rita de Cassia,7,Santana,1,São Desidério,2,Saúde&Bem Estar,7,Saúde&Bem-Estar,78,Sitio do Mato,1,Tabocas do Brejo Velho,1,Tecnologia,67,Tragedia,78,Turismo,44,Videos,51,Vitoria da Conquista,12,Wanderley,2,Whatsapp,1,
ltr
item
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste: Prefeitura de São Paulo mantém repasse de 33 milhões ao carnaval
Prefeitura de São Paulo mantém repasse de 33 milhões ao carnaval
https://1.bp.blogspot.com/-nXlxpCOfL6g/YDWtLgkolLI/AAAAAAAAR3c/GBYHKGG5LGA8sgGB9MXDAGjuZjJXJmPiwCNcBGAsYHQ/s320/carnaval-investimento-dinheiro-publico2.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-nXlxpCOfL6g/YDWtLgkolLI/AAAAAAAAR3c/GBYHKGG5LGA8sgGB9MXDAGjuZjJXJmPiwCNcBGAsYHQ/s72-c/carnaval-investimento-dinheiro-publico2.jpg
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste
https://www.vejaoeste.com.br/2021/02/prefeitura-de-sao-paulo-mantem-repasse.html
https://www.vejaoeste.com.br/
https://www.vejaoeste.com.br/
https://www.vejaoeste.com.br/2021/02/prefeitura-de-sao-paulo-mantem-repasse.html
true
8061571385870599471
UTF-8
Carregou todos os artigos Não encontrei nenhum post VER TODOS Leia Mais Resposta Cancelar resposta Deletar Por Home PAGINAS ARTIGOS Ver Todos Talvez você goste destas postagens C ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS ARTIGOS nenhum resultado. Voltar Para o Inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO PREMIUM ESTÁ BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhar. PASSO 2: clique no link que você compartilhou para desbloquear Copie todo o código Selecione todo o código Todos os códigos foram copiados para sua área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C para Mac) para copiar