'Quem rouba não pode fazer parte da política', diz Fernando Haddad

  O ex-ministro da Educação e candidato a presidente em 2018, Fernando Haddad (PT), é duro ao falar sobre casos de corrupção e seus reflexos...

 




O ex-ministro da Educação e candidato a presidente em 2018, Fernando Haddad (PT), é duro ao falar sobre casos de corrupção e seus reflexos na política. Ao Estado de Minas, ele afirmou que figuras que comprovadamente cometeram crimes não podem participar da vida pública do país.


“Quem rouba não pode nem fazer parte da política, desde que você nomeie a pessoa. Porque todos os partidos políticos enfrentaram investigações, que são corretas, e algumas pessoas foram perseguidas indevidamente por aqueles que tinham um projeto político de chegar ao poder. Desde que se faça a distinção — e isso vale para o para PSD, PT, PSDB, e todos os outros”, disse, nessa quinta (26).

A fala fazia menção à frase, dita pelo prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), sobre ser “avesso a quem rouba Petrobras e a não ter vacina no Brasil’. A declaração foi dada pelo chefe do Executivo municipal a "O Globo", quando perguntado sobre o encontro que teria com Haddad na capital mineira. A reunião ocorreu nessa quinta.

“Todo mundo do PSD, por exemplo, que cometeu irregularidades, tenho certeza que o Kalil também não concorda, assim como eu não concordo com irregularidades de qualquer natureza. Pode ser do meu partido, da minha família, da minha igreja, do meu time de futebol. Não é por proximidade e amizade que vou deixar de defender a aplicação da lei. Pode ser meu filho, meu sobrinho ou quem for: lei é para ser cumprida. Mas temos de ter coragem de apontar para as pessoas que cometeram equívocos”, completou Haddad.

O PT trava batalhas jurídicas para provar a inocência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por ações ligadas à Operação Lava-Jato. Embora esteja livre desde 2019, ele está impedido de participar de eleições.

Haddad pede que clã Bolsonaro seja investigado

Na mesma resposta, o presidenciável petista falou sobre questões envolvendo a família de Jair Bolsonaro (sem partido). “Um patrimônio imobiliário acumulado ao longo de 20 anos completamente incompatível com salário de deputado, dinheiro em milícia depositado na conta de parentes. Isso tudo tem que ser investigado”.

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), um dos três filhos de Jair, é investigado por supostas rachadinhas’ de salário dos funcionários de seu gabinete nos tempos de deputado estadual fluminense. Ele foi denunciado por por peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Encontro entre petistas e KalilAo lado de outras lideranças do PT, como a presidente nacional Gleisi Hoffman, deputada federal pelo Paraná, Haddad cumpriu agenda em Minas Gerais nesta semana. Após a reunião em que esteve presente, Kalil negou que a eleição de 2022 foi tema do assunto. Ele ressaltou que a Prefeitura de BH está aberta a políticos de diversas correntes.

"Não adianta quererem me rotular. Recebo aqui quem quiser vir, será muito bem-vindo. Esta prefeitura esteve aberta duas vezes para o Bolsonaro, (Carlos) Lupi, Marina (Silva), para todos. Não adianta querer me rotular, é uma deferência que vieram aqui fazer para tratar de temas nacionais importantes. Hoje, temos PEC, importante, tanto no Senado com a vacina, que é uma coisa importante. Foi uma conversa gentil, não se tratou de 2022, porque isso não é hora, e todos aqui já sabem e me conhecem. Eu não tenho rótulo, e não adianta me rotular."



COMENTÁRIOS

Nome

Agronegocio,7,Agronegócio,22,Angical,9,Bahia,409,Baianópolis,8,Barreiras,255,Boa noticia,34,Bom Jesus da Lapa,7,Brasil,499,Brasilia,4,Brejolandia,1,Buritirama,1,Canapolis,1,Catolândia,19,Celebridades,2,Cinema,20,Correntina,12,Cotegipe,1,Cristópolis,5,Economia,63,Educação,34,Entretenimento,99,Esportes,168,famosos,219,famoss,2,Festas,3,Formosa do Rio Preto,4,Golpes,1,governo,52,Guanambi,17,Humor,2,Ibotirama,6,internacional,188,Irecê,14,justiçá,226,LEM,17,Livros,6,Luis Eduardo Magalhães,29,Mundo,5,municípios,148,Muquém do sao Francisco,1,Oportunidades,30,Pesquisa,36,po,1,pol,1,Polemica,183,Polemicas,23,policia,94,Politica,1715,Religião,59,Riachão da Neves,65,Salvador,90,Santa Maria da Vitoria,8,Santa Rita de Cassia,6,Santana,1,São Desidério,2,Saúde&Bem Estar,7,Saúde&Bem-Estar,71,Sitio do Mato,1,Tabocas do Brejo Velho,1,Tecnologia,67,Tragedia,77,Turismo,43,Videos,50,Vitoria da Conquista,11,Wanderley,2,Whatsapp,1,
ltr
item
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste: 'Quem rouba não pode fazer parte da política', diz Fernando Haddad
'Quem rouba não pode fazer parte da política', diz Fernando Haddad
https://1.bp.blogspot.com/-vdhL1a4DC7I/YDpCpPzK9xI/AAAAAAAAR8w/9gDKq882zisvidariYPRjPvM-9YKlzZaQCNcBGAsYHQ/s320/20210226183706507117e.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-vdhL1a4DC7I/YDpCpPzK9xI/AAAAAAAAR8w/9gDKq882zisvidariYPRjPvM-9YKlzZaQCNcBGAsYHQ/s72-c/20210226183706507117e.jpg
Veja Oeste | O Seu Portal de Notícias do Oeste
https://www.vejaoeste.com.br/2021/03/quem-rouba-nao-pode-fazer-parte-da.html
https://www.vejaoeste.com.br/
https://www.vejaoeste.com.br/
https://www.vejaoeste.com.br/2021/03/quem-rouba-nao-pode-fazer-parte-da.html
true
8061571385870599471
UTF-8
Carregou todos os artigos Não encontrei nenhum post VER TODOS Leia Mais Resposta Cancelar resposta Deletar Por Home PAGINAS ARTIGOS Ver Todos Talvez você goste destas postagens C ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS ARTIGOS nenhum resultado. Voltar Para o Inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO PREMIUM ESTÁ BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhar. PASSO 2: clique no link que você compartilhou para desbloquear Copie todo o código Selecione todo o código Todos os códigos foram copiados para sua área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C para Mac) para copiar