ACM Neto se posiciona sobre porte de arma: “Eu sou contra”

 




Uma das principais bandeiras defendidas pelo bolsonarismo, o porte de arma foi tema do ‘ping-pong’ feito com o pré-candidato ao governo da Bahia, ACM Neto (UB), durante a sabatina promovida pelo jornal Folha de São Paulo, em parceria com o portal UOL, nesta quarta-feira (25). Ele declarou ser contra o armamentismo.


Neto inclusive lembrou que quando foi deputado federal, se posicionou a favor do desarmamento da população. “Eu sou contra o armamentismo. Inclusive, como deputado na época, fiquei na posição do desarmamento”, respondeu rapidamente.

Na mesma sabatina, na última segunda-feira (23), o pré-candidato bolsonarista ao governo, João Roma (PL), ex-aliado de Neto, afirmou ser a favor ao porte de arma. “Por acaso alguém já viu um bandido entrar numa loja para comprar uma arma e entregar os documentos? Não. O cidadão de bem tem que estar armado porque ele precisa proteger a sua residência”, afirmou o ex-ministro na ocasião.



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem