“Militar que opina sobre política deve ser punido rigorosamente ”, diz petista Zé Dirceu

 




Petista condenado do mensalão citou países que tomaram a medida


O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu (PT) disparou críticas contra a participação de militares na política brasileira. Ele defendeu que o militar deve sofrer punição quando emitir opinião sobre política.


– Militar quando opina sobre política tem que ser punido pelo comandante, seja o governador, seja o presidente da República. Não é possível – disse em entrevista ao jornalista Breno Altman, do Opera Mundi.

A entrevista, que foi ao ar em junho, teve o trecho resgatado por internautas neste fim de semana. Dirceu assinalou que os brasileiros devem “conter os avanços das Forças Armadas sobre a política”. Ele citou como exemplo países como Uruguai, Chile, Argentina, França e Estados Unidos, que recentemente afastaram para a reserva ou processaram militares autores de declarações ou ações políticas.

Membro fundador do PT, o ex-ministro deixou claro os esforços da chapa Lula-Alckmin contra atuação de militares.

– Ou é isso ou não há democracia, porque não pode haver uma disputa política entre os que estão com armas e o povo desarmado. A soberania popular é desarmada, se manifesta nas urnas –
declarou.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem