Veja o que está faltando na saúde pública de Barreiras.




Muitos Municípios baianos têm à frente da secretaria de saúde, pessoas sem qualificação técnica para exercer o cargo que é de grande importância para a saúde da população. Doenças como dengue, zika vírus e chikungunya todo os anos em um mesmo período a proliferação desta epidemia é avassaladora. O que será que está faltando! será que poderia ser evitada? A Secretaria Municipal de Saúde tem como atribuições planejar, desenvolver, orientar, coordenar e executar a política de saúde do município, compreendendo tanto o cuidado ambulatorial quanto o hospitalar bem como também são responsáveis em planejar, desenvolver e executar as ações da vigilância sanitária e epidemiológica em consonância com os princípios do SUS.


Segundo informações da prefeitura, o secretário de saúde do município de Barreiras, Melchisedec Alves é formado em Direito pela Faculdade Unyahna de Barreiras. Ele é um dos homens de confiança do prefeito Zito Barbosa, um cargo que deveria ser privativo apenas para médico por tratar de momentos muito delicados na vida do ser humano, não deveria ser tratado como, mais um cargo político do município.


Barreiras têm grandes profissionais na área da medicina, qualificados e experientes que se estivessem à frente da Secretaria de Saúde, a população seria bem cuidada. Profissionais como: Dr: Ubirajara Vilanova ,Dra Graça Melo, Dr Enok Luz e Dr Sileno Bispo; seria o suficiente para a saúde pública do municipal ser referência na Bahia. Enquanto as pessoas perdem a vida por falta de tratamento, o Prefeito Zito Barbosa faz política com a saúde pública do município
.

Portal Veja Oeste 






Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem