Embraer interrompe serviços para clientes russos

 



Como consequência da invasão russa à Ucrânia, a Embraer informou que vai suspender o fornecimento de peças e assistência mecânica e técnica para clientes da Rússia. 

A fabricante brasileira de aviões afirmou que seguirá as sanções internacionais impostas por empresas e países e destacou ainda que parte da Ucrânia também deverá ser afetada pela medida. Não há detalhes, porém, de como ocorrerá a suspensão.

Segunda maior empresa russa, a S7 Airlines deverá ser a mais atingida. A companhia tem em sua frota 17 aviões da Embraer.

Nos últimos dias, empresas ligadas à aviação já impuseram sanções à Rússia, como resposta aos ataques militares na Ucrânia. Agências reguladoras dos Estados Unidos e de países europeus proibiram companhias russas de sobrevoar seus espaços aéreos.

Além disso, a AeroCap, maior empresa de leasing aeronáutico, determinou a devolução de aeronaves em poder da Aeroflot. Boeing e Airbus também interromperam as operações na Rússia.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem