Parece que os principais coordenadores da campanha de Roma são anti-bolsonaristas

 



O ministro da Cidadania João Roma (Republicanos), pré-candidato ao governo do estado da Bahia, vem preparando o palanque do presidente Jair Bolsonaro (PL) no estado, entretanto, percebe-se um palanque capenga e anti-bolsonarista cercado de oportunistas.


Como se não bastasse esquerdistas infiltrados e oportunistas querendo surfar na onda bolsonarista, os principais coordenadores da campanha de Roma parecem que são anti-bolsonaristas. Vamos lá…

O chefe de gabinete do ministro, Victor Azevedo, que vai disputar uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia, de janeiro/2022 até hoje (06/03), nunca postou nada de positivo em sua rede social “Instagram” em relação ao presidente Bolsonaro que vem reconstruindo o país, principalmente a Bahia. Veja.

O principal coordenador da campanha do ministro, o ex-prefeito de Amargosa (minha terra natal), Rosalvinho Sales, a mesma coisa. Por sinal, os feitos do presidente na Bahia ele só parabeniza o ministro e seus deputados federal e estadual, Roberta Roma e Victor Azevedo, respectivamente. Veja.

O Vale-gás, programa do governo federal, Rosalvinho agradece a Roma, Roberta e a Victor, omitindo o nome de Bolsonaro.

Outro coordenador de campanha e funcionário do governo federal, Neto Sandes, segue o mesmo caminho, como podem conferir em suas redes sociais.

Dando uma bisbilhotada na página da primeira-dama da pasta da Cidadania, percebe-se que está doida para se eleger deputada federal, esquecendo ela que precisamos reeleger o presidente da Republicanos.

Pois bem, faltando pouco mais de seis meses para as eleições, essa turma de cima não está preocupada com a eleição do Capitão, contudo, o ministro precisa deixar de brincar de fazer campanha e acionar o exército bolsonarista para entrar em campo, ou também está preocupado só com a candidatura da esposa e do chefe de gabinete?

Por fim, Bolsonaro precisa do exército dele ativo na Bahia, principalmente os que são mais próximos ao ministro, para combater veemente a desinformação propagada pela mídia financiada pelo governo do estado.


Tiacandida 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem