“Deus botou a mão sobre o Brasil e nos deu a chance de abrir os olhos”, diz Bolsonaro

 



Declaração foi dada pelo presidente durante um evento em São Paulo

O presidente Jair Bolsonaro discursou para empresários nesta terça-feira (14) e fez um “desabafo” durante a abertura do 5º Fórum de Investimentos Brasil (BIF), em São Paulo. Durante sua fala, ele disse que não leva “jeito” para ser presidente e que nasceu “para ser militar”. Bolsonaro também voltou a mostrar preocupação com quem não está jogando “dentro das quatro linhas da Constituição”.

As declarações foram dadas ao falar sobre ter entrado na política “por acaso” e lembrar que passou 28 anos como deputado federal.

– Não podemos dissociar a economia da política. [Eu] não tinha nada para estar aqui. Nem levo jeito. Nasci para ser militar. Fiquei por 15 anos no Exército. Entrei na política meio por acaso. Passei 28 anos dentro da Câmara, nenhum problema (…). Eu acredito, pode discordar, que Deus botou a mão sobre o Brasil. Nos deu a chance de abrir os olhos e falar o que nós queremos. De todo mundo se conscientizar que temos que jogar dentro das quatro linhas da Constituição. Quem estiver jogando fora, e tem naquela Praça dos Três Poderes, tem que vir para dentro das quatro linhas. O normal era um chefe de Executivo conspirar para permanecer no poder, e não o contrário – destacou.

Bolsonaro também voltou a falar sobre as eleições e garantiu que venceu o pleito em 2018 no primeiro turno.

– Tem gente melhor que eu? Tem milhares. Mas eleição para presidente em especial é um self-service. É o que tem na mesa. Não adianta pedir camarão se não tem camarão. Quero um cordeiro, não tem cordeiro. É o que está na mesa. Estando na mesa, você tem que escolher o melhor ou o menos ruim. E assim foi feito em 2018. Eu ganhei no 1º turno, mas não vou entrar em detalhes aqui – ressaltou.



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem